Olivete Salmória
olivetes@ig.com.br


Parceiros

vota_1.jpg 

 

 

    CL_.jpg

 

lages_parque_jonas_ramos_peq.jpg

Arquivo

 
22 Agosto 2014
TRE suspende programa de Paulinho

 

 

Paulinho.JPG

 

 Por desobedecer parte da legislação eleitoral, o candidato ao Senado Paulo Bornhausen (PSB) teve suas inserções na televisão suspensas pelo Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina. O pedido de impugnação da propaganda foi ajuizada pelo Partido dos Trabalhadores (PT). A decisão foi proferida no dia 20 de agosto e está disponível no Mural Eletrônico do TRE-SC.
Conforme apresenta a decisão do relator do caso, juiz Marcelo Krás Borges, a propaganda veiculada por Bornhausen utilizou imagens externas e computação gráfica, o que é proibido pela legislação. Pelo artigo 38 da Resolução TSE nº 23.404/2014, na veiculação de inserções são proibidas a “utilização de gravações externas, montagens ou trucagens, computação gráfica, desenhos animados e efeitos especiais”, entre outras regras.
O candidato tem também a possibilidade de substituir a mídia que contem o programa para continuar com a divulgação, desde que ele não utilize os mesmos recursos da propaganda impugnada. 
22 Agosto 2014
Secretário da Educação visita obras do Industrial

 

 

Hoje, o secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, visitou a escola de Educação Básica Industrial de Lages. O Governo de Santa Catarina está reformando a estrutura física da cinquentenária instituição.

 

IndustrialVisita.jpg

As obras iniciaram no início deste mês, em um bloco de oito salas de aula. O antigo piso já foi retirado, e a cobertura está sendo restaurada.

 

IndustrialDechamps.jpg

A ala deve ser liberada para os alunos ainda este ano. Segundo o diretor Armando Duarte, os trabalhos não estão afetando a rotina escolar, pois as turmas foram remanejadas provisoriamente para outros espaços.   

 

Fotos e informações: Fábio Ramos

22 Agosto 2014
Banco de Alimentos recebe doações

 

 

A coordenação do Banco de Alimentos, da Secretaria de Assistência Social de Lages, recebeu ontem (21), a doação de uma tonelada de feijão dos tipos preto e carioquinha. Os grãos, doados pelas cooperativas de agricultores das cidades de Anita Garibaldi e Cerro Negro, estão sendo separados e embalados para distribuição às entidades socioassistenciais governamentais e não governamentais cadastradas. 

 

Doações_1.jpg

Neste mesmo dia foram doados para o Banco de Alimentos 1.200 litros de refrigerante Coca-Cola Light, embalados em fardos de garrafa PET, contendo dois litros cada, através da empresa de distribuição de bebidas Mega. De acordo com a coordenadora do Banco de Alimentos, Viviane Ribeiro Krebs Gonçalves, os mantimentos são catalogados pela equipe técnica e repassados imediatamente para as mais de 40 entidades cadastradas.

22 Agosto 2014
Os candidatos

 

BarracaoGabriel.jpg

 
Ontem, o candidato a deputado estadual pelo PSD, Gabriel Ribeiro, participou de um encontro com lideranças na sede do Barracão eventos, no bairro da várzea.
A reunião foi organizada pelo ex-candidato a vereador Tunico Duarte e reuniu mais de 300 pessoas.
 
Chimarr__oGabriel.jpg
 
A tarde, ele realizou uma caminhada pelo bairro Passo Fundo com alguns cabos eleitorais. Gabriel visitou diversas residências e conversou com os moradores, fazendo uma pausa para o chimarrão.
 
Fotos: Schaina Marcon
 
 
RenatinhoCPinto_1.jpg
 
Renatinho, candidato do PP a deputado estadial, inaugurou um Comitê Eleitoral em Correia Pinto. Lá ele tem o apoio do ex-prefeito Claúdio Zilioto,  e das lideranças:Celso Rogério, Casemiro e Neuzetti.
 
Foto: Paulo Marques
 
ADVB21.089.JPG
 
Marcius, candidato a deputado estadual pelo PR, e seu pai, durante a solenidade da ADVB. Aproveitaram a pausa para um levantamento da campanha. Marcius conta com a ajuda do pai que o acompanha par e passo na busca de votos.
 
Estão bastante satisfeitos com o andamento da campanha.
 
 
CarmenBocaina.jpg
 
A candidata a deputada federal Carmen Zanotto (PPS) recebeu o apoio dos eleitores de Bocaina do Sul na inauguração do comitê suprapartidário que aconteceu essa semana. O evento contou com a presença do prefeito Luiz Carlos Schmuler, vereadores e lideranças da região. 
 
CorujaADVB.jpg
 
Carmen e o candidato a estadual pelo PMDB, Fernando Coruja, na solenidade da ADVB.
Última atualização em Sexta, 22 de Agosto de 2014 16:51
22 Agosto 2014
A polêmica sobre a largura da pista de rolamento da rua Cristiano Brascker

 

MoradoresStaHelena.jpg

Registrei aqui recentemente que os moradores da rua Cristiano Brascker estavam reclamando da pista de rolamento estreita que está sendo executada nessa via. O prefeito Elizeu Mattos conversou com eles.

Explicou que a rua tem 6,5 metros de largura, o mesmo que já tinha. “Normalmente é essa a largura das pistas. A rodovia que liga Abdon Batista a Campos Novos tem 6 metros, a BR 282 tem 7 metros de largura”, exemplificou o prefeito. 

 

Elizeu disse aos moradores que, para fazer mais larga, teria de sacrificar o passeio (que tem 1,5 metro), “mas prefiro atender o pedestre do que privilegiar os veículos”, disse ele.

Ampliar a largura de ambos é impossível porque têm muitas casas que estão abaixo do nível da rua.

Ouvidas as explicações, os moradores concordaram com a obra como está.

Foto: Toninho Vieira

Última atualização em Sexta, 22 de Agosto de 2014 13:08
22 Agosto 2014
A analogia do senador

 

LuizHenrique.JPG

 

O senador LHS sempre está defendendo alguma tese interessante. No último encontro ele disse que a igreja é a mais antiga instituição do mundo, por causa de sua capilarização.

Está onde o povo está. “Ninguém precisa ir à Florianópolis para fazer suas orações, basta ir a uma igreja em Lages que terá a mesma validade”, diz ele. Evidentemente que seu objetivo foi defender as secretarias regionais. Outra instituição utilizada para sustentar sua ideia foi o Exército.

Só é forte porque tem uma hierarquia com seus regimentos, batalhões, companhias e pelotões, explicou LHS.

22 Agosto 2014
Dois vereadores do PROS não estão com Anilton?

 

Apoiadores.jpg

 

O PROS se coligou com o PDT e o PTB na eleição proporcional, mas apenas dois dos quatro vereadores – Adilson Appolinário e Felício – fecharam apoio ao candidato a deputado estadual pela coligação em Lages, Anilton Freitas.

Elói Bassin e o Pastor Mendes estão Trabalhando para quem?

22 Agosto 2014
Pequenos produtores estão insatisfeitos

 

 

Durante seminário sobre o queijo Serrano realizado semana passada, os produtores rurais ficaram indignados com a falta de resposta quanto à indagação feita aos mais de 15 veterinários presentes ao evento.

 

Querem saber a razão da Cidasc não mais fornecer os atestados de brucelose e de tuberculose, necessários para que possam produzir o queijo.

 

Luiz_Carlos_Peron.jpg

Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, agora denominado de Sindicato dos Trabalhadores na Agricultura Familiar, Carlos Luiz Peron, “simplesmente os veterinários pararam de fornecê-los”.

Para obter o atestado é preciso fazer exames a cada seis meses, que custam R$ 24,00 para cada animal. Para o pequeno proprietário rural é um custo que muitas vezes não tem condições de arcar.

 

Ele também observa que a vigilância não está cumprindo com a tarefa de fiscalização e, muito menos há interesse nisso. “Até o carro que foi entregue ao município está sendo utilizado para outra finalidade”, diz ele.

A Amures montou um consórcio para fortalecer a agroindústria familiar (Cisama) para possibilitar que os municípios se responsabilizem pela Inspeção de Produtos de Origem Animal, contudo, Peron diz que essa ação não deslanchou até gora.

Fala-se muito no incentivo a produção do queijo serrano, mas Peron cita que para construir uma queijaria o produtor tem de desembolsar, no mínimo R$ 50 mil, para atender a todas as normas e exigências.

Alguns produtores estão fazendo em parceria, mas dificulta o uso comum dessas unidades por causa do necessário deslocamento das propriedades. Ele garante foram instaladas 10 a doze dessas queijarias que já fecharam as portas porque a produção se tornou inviável para o pequeno produtor. “Muito se fala na agroindústria artesanal, mas não existem incentivos necessários”, avalia o sindicalista.

Última atualização em Sexta, 22 de Agosto de 2014 12:48
22 Agosto 2014
ADVB premia 15 empresas de SC

 

ADVB21.080.JPG

Quinze empresas foram contempladas com o Prêmio Empresa Cidadã, da ADVB/ SC, em diversas categorias, devido ao desenvolvimento de projetos culturais. ambientais  e de participação comunitária.

 

Case.jpg

 

ADVB21.088.JPG

A entrega do prêmio aconteceu ontem à noite, na Pousada Rural do Sesc. Aliás, onde também aconteceu o evento do ano passado. 

Aliás o Sesc do estado foi uma das empresas contempladas, em função de um projeto desenvolvido também em Lages.

 

ADVB21.086_1.JPG

Obviamente que ai tem a mãozinha do vice-presidente da ADVB, Beto Amaral. Beto ao lado do secretário Regional, João Alberto Duarte.

 

ADVB21.083.JPG

O prefeito Elizeu Mattos, com o prefeito de Joinville, Udo Döhler. Sua empresa foi uma das premiadas pelo seu case cultural.

 

Udo_D__hler.JPG

 

Udo exibe a premiação 

 

ADVB21.08lebarbechon.JPG

O presidente da ADVB/SC, Octávio René Lebarbechon Neto

Ele destacou a importância desta premiação. Hoje, cada vez mais as empresas precisam estar ligadas a questão sa sustentabilidade, até para sustentação da marca.

A ADVB faz exatamente esse papel, de dar visibilidade ao trabalho desenvolvidos pelas empresas.

 

ADVB21.08.JPG

Valdir Della Giustina conversa com Marcelo Menegotto, presidente da OAB/ Lages e Jonathan, da CDL Lages.

Della Giustina está em plena campanha pela presidência da FCDL

Última atualização em Sexta, 22 de Agosto de 2014 12:27
21 Agosto 2014
Inelegibilidade: um filtro nas eleições

 

 

Várias são as possíveis causas de inelegibilidade, nem sempre por conta de crimes cometidos, como em relação aos analfabetos e os parentes e cônjuges de chefes de Executivo. E a Ficha Limpa, que terá sua primeira aplicação em eleições gerais, endureceu a punição a quem comete crimes. Segundo a advogada Claudia Bressan, “a lei estabelece inelegibilidades para filtrar e estabelecer requisitos aos que desejam concorrer a cargo eletivo. O objetivo é preservar a finalidade dos votos e a igualdade de todos os candidatos perante a lei”.

 

Inelegibilidade sem crime

 

 

São inelegíveis os analfabetos e os inalistáveis (estrangeiros e militares das Forças Armadas). Presidente, Governadores e Prefeitos, e quem os suceder ou substituir durante o mandato, podem concorrer à reeleição apenas para um único período subsequente. Ou seja: um presidente, por exemplo, pode se reeleger, mas ao fim do segundo mandato só poderá concorrer a outro cargo. À presidência, só pode concorrer se permanecer um mandato afastado da presidência.

 

Cônjuges e parentes

 

Os cônjuges e parentes até segundo grau dos chefes de Executivo não podem concorrer ao mesmo cargo no mesmo território de jurisdição. Ou seja: a primeira-dama de um Estado só pode concorrer para governadora em outro Estado. “Todas essas restrições são para evitar a perpetuação no poder dos mesmos grupos familiares. É uma medida contra oligarquias”, explica Bressan.

 

Ficha Limpa

 

 

Sancionada em 2010 e aplicada pela primeira vez nas eleições de 2012, a Lei da Ficha Limpa impediu naquele ano 868 candidaturas a prefeito, vice-prefeito e vereador. São 14 hipóteses de inelegibilidade por oito anos, que incluem desde condenações por crimes contra a administração pública, o meio ambiente e a saúde pública até abuso de autoridade, crimes hediondos e racismo.

 

O papel dos tribunais de contas

 

 

A Ficha Limpa também tornou inelegíveis por oito anos o político que, durante o exercício de cargos ou funções públicas, tiver contas rejeitadas por irregularidade insanável que configure improbidade administrativa por decisão irrecorrível. A lei, portanto, reforçou a importância da independência política dos tribunais de contas no processo eleitoral.

 

Renúncia não livra da punição

Outro mudança obtida com a Ficha Limpa foi a inelegibilidade dos políticos cassados e a eliminação da possibilidade de renunciar para fugir da cassação. E o período de inelegibilidade só é contado a partir do final do mandato.

Início  |  « Anterior12345678910Próximo »  |   Fim