Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

 

Lages.jpg

 

unnamed_18.jpg

 

Arquivo

 
22 Março 2019
Clayton deixa equipe do prefeito Ceron e João Alberto o substitui

Claiton.jpg

O secretário de Obras e Planejamento, Clayton Bortoluzzi está deixando a equipe de Ceron. As primeiras informações que nos chegam dão conta de que estaria retornando ao governo do estado.

Ainda nesta tarde de sexta-feira o prefeito Ceron deve anunciar seu substituto.

Ainda no início do ano ele foi questionado a respeito já que nos bastidores circulavam a informação de que estaria deixando a administração.

Na ocasião ele descartou que estivesse demissionário, mas não descartou que futuramente poderia deixar o cargo para atender seus interesses pessoais.

Pretendia aguardar nos próximos meses para ver como se comportará as finanças da prefeitura. Deixou antever, embora não dissesse com todas as palavras que, se faltasse recursos para as obras, ele não permanece no cargo.

Não deu outra: o ex-secretário regional, João Alberto Duarte foi o escolhido para substituir Claiton. O anúncio ocorrre nesta tarde.

77661ba8_a389_4515_96f5_680f4a4479dd.jpg

É bom lembrar que Claiton é  servidor público estadual lotado no Deinfra. O chefe do departamento, seu amigo, lhe chamou de volta, dizem

Última atualização em Sexta, 22 de Março de 2019 19:52
22 Março 2019
Prefeito detido por posse de arma de fogo

O prefeito de Bom Retiro e presidente da Amures, Vilmar Neckel foi detido nesta manhã de sexta-feira por posse de arma de fogo.

Segundo o delegado local, Ricardo Guedes, ele apenas atendeu um APF - Auto de Prisão em Flagrante expedido pelo juiz. O prefeito foi detido, pagou uma fiança de R$ 1 mil e foi solto.

O fato teve grande repercussão em Bom Retiro.

Parece que foram cumprir mandado de busca na casa e encontraram uma arma sem registro.  A busca e apreensão se refere ao processo de bens sequestrados na ação de improbidade administrativa investigado pelo Gaeco. 

Última atualização em Sexta, 22 de Março de 2019 20:38
22 Março 2019
Deputado quer mudar a lei que dispõe sobre transporte escolar

Conforme o deputado estadual  Neodi Saretta (PT), muitos municípios estão encontrando impedimentos para realizar o transporte escolar para todos os alunos, devido uma restrição de distância encontrada na Lei Complementar nº 482, de 04 de janeiro de 2010, que dispõe sobre a limitação da distância percorrida entre a residência do estudante até a unidade escolar. 

Buscando a garantia do transporte a todos os estudantes, Saretta enviou, ao Governador do Estado, uma nova solicitação para alteração da lei. Um documento com o mesmo objetivo já havia sido encaminhado ao Governo no ano passado, porém nada foi feito “A mudança é necessária, pois só assim será assegurado o atendimento do transporte público para os estudantes da rede pública estadual de ensino, conforme prevê a legislação federal”, aponta o deputado.

22 Março 2019
É possível?

Em 2017 uma senhora estava na fila da Secretaria da Saúde para realização de exame de colonoscopia e estava em 930 lugar na fila de espera.

Agora voltou a consultar a lista e constatou que existem mais de mil pessoas a sua frente. Como é possível? Quantas pessoas passaram a sua frente?

22 Março 2019
Prefeitura recebe duas emendas do ex-deputado Fernando Coruja

0_22.jpg

A prefeitura de Lages foi contemplada com duas emendas parlamentares impositivas. O autor das emendas foi o ex-deputado estadual, Fernando Agustini (Coruja).

As secretárias da Saúde. Odila Waldrich, e da Educação, Ivana Michaltchuk, receberam o documento no final da tarde desta quinta-feira (21 de março). O prefeito Antonio Ceron esteve com as gestoras.

À Secretaria da Saúde serão destinados R$ 350 mil a serem aplicados na aquisição de equipamentos. 

Na Educação, o valor é de R$ 1.523.210,40, em que o objeto da emenda compreende a aquisição de livros.

22 Março 2019
Por conta da criação dos núcleos do governo as associações de municípios viraram alvos dos partidos

O governador Carlos Moisés buscou como alternativa para substituir a função das ADRs um novo modelo de encaminhamento e acompanhamento das ações do governo nas regiões que não onerasse o estado e fizesse a ligação entre os municípios e o governo estadual.

O modelo de Núcleo de Gestão de Convênios existe desde 2016 dentro da Associação dos Municípios da Grande Florianópolis e foi criado após a extinção da antiga Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR). Agora, o formato será replicado para as demais regiões. E estará vinculado ao governo dentro da Casa Civil.

posse_governador_sc_2.jpg

“Acredito que é um momento muito importante para criar e fortalecer esse elo entre os prefeitos e a gestão estadual, a fim de atender os municípios da melhor forma possível”, argumentou o governador Moisés quando reuniu-se com os prefeitos para anunciar a criação dos núcleos dentro das 21 Associações de Municípios.

É cedo para avaliarmos as consequências desta medida, mas já podemos adiantar que está levando a política partidária para as associações. Antes mesmo de oficializado, as associações já foram invadidas por lideranças políticas. Em pelo menos sete das 21 associações já trocaram seus secretários executivos técnicos por políticos.

É o caso da Amures que foi buscar o ex-secretário de Finanças de Lages, o progressista Walter Manfrói. Mesmo que tenha oficializado seu afastamento do PP. Mera formalidade. Outros ex-prefeitos, ex-vereadores, etc... também estão vendo as associações como espaço interessante a partir deste modelo e assumiram as secretarias executivas. Senão vejamos:

ponto.jpgo secretário executivo da Amavi, Paulo Roberto Tschumi foi candidato a prefeito de Agronômica pelo PP;

ponto.jpgna Ammoc está Nilvo Dorini, candidato a prefeito de Capinzal (MDB); 

 

ponto.jpgna Amunesc assumiu Vanderson Soares candidato a vereador pelo PSB de Joinville; 

 

ponto.jpgna Amurc, Valdir Angelo Tagliari foi candidato a vereador pelo MDB de Curitibanos; 

 

ponto.jpgna Amarp, Odivar Clovis Biscaro do PSD foi prefeito de Salto Veloso; 

 

ponto.jpgna Amauc está Roberto Kurtz Pereira que foi vereador de Concórdia pelo PSDB. 

 

Joares_Ponticelli_segundo_turno.jpg

Não podemos esquecer que o prefeito que hoje preside a Fecam, o ex-deputado Joares Ponticelli (PP) é um exímio articulador político. Tanto que ele lembrou ser esta “uma oportunidade de cada município assumir um protagonismo mais forte”.

O governador Moisés vê nesta medida uma solução econômica e eficaz para a administração pública. Eu mesma acreditava ser uma solução e apontei esta saída em matéria aqui publicada. Contudo, não previa esta possiblidade de transformarem-se em alvos de manipulação político partidária, pela natureza transitória da gestão dos prefeitos. Estava errada!

22 Março 2019
Um vereador da oposição cede e matérias são votadas na Câmara de Bocaina depois de dois meses

Apesar da bancada da oposição da Câmara de Bocaina do Sul continuar protestando e se retirando das sessões para impedir a votação, na sessão da última quinta-feira (21), foi possível votar as matérias pendentes. Isso porque um dos vereadores de oposição, Waldir Taruhn, o Tiririca, do PSDB, decidiu pôr fim ao impasse e permaneceu no plenário.

Bocaina3.jpg

Sem_t__tulo3.jpg

Vereadores da oposição se retirando da sessão

Bocaina_1.jpg

População lotou o plenário

Sem_t__tulo4.jpg

Além dos membros da mesa, apenas dois vereadores no plenário

Sem título1_1.jpg

Do lado de fora eleitores acompanhavam os trabalhos, entre eles estava o prefeito Luiz Schmuler que está aguardando a votação das matérias.

bocaina1.png

Pronunciamento de Tiritica dizendo que votaria as matéria mas continuaria fazendo oposição

Bocaina2.jpg

Policiais acompanharam a sessão

 

Foram votados então os projetos de reajuste dos vencimentos dos servidores municipais e a permissão de uso do barracão da prefeitura pela Associação da Microbacias Rio dois Irmãos por 20 anos entre outros. Estes projetos estavam à espera da apreciação desde fevereiro pois a oposição vem trancando a pauta desde o ano passado quando ocorreu a eleição para escolha do novo presidente.

A população tem acompanhando as sessões e na última quinta-feira, a oposição chamou PM para garantir a ordem.

A oposição tem cinco vereadores (total de 9), por isso com a permanência de um deles no plenário foi possível votar as matérias. Com isso se coloca fim ao impasse.

Imagens cedidas pelo jornal Correio Otaciliense

Última atualização em Sexta, 22 de Março de 2019 19:45
22 Março 2019
Está tudo legalizado para a exploração da cascalheira do Morro Grande

0_20.jpg

Na audiência pública realizada na quarta-feira para discutir a questão do Morro Grande, pelos depoimentos se concluiu que a empresa Gaspar tem autorização de lavra e todas as licenças ambientais necessárias.

Também não há nenhuma irregularidade com relação ao reflorestamento porque foi feito antes de 2008 - depois disso houve mudança na legislação. Quando aos riscos às moradias, há laudos que comprovam que mesmo as detonações são realizadas dentro das especificações legais e laudos técnicos informam que não oferecem riscos.

Isso tudo foi corroborado pelo representante do Departamento Nacional de Produção Mineral o engenheiro de minas, Fernando Gambini, gerente regional do IMA, Fernando Sommariva e o Procurador de República, Nazareno Wolff.  Acho que isso encerra as discussões sobre o assunto que periodicamente retorna à mídia.

0_21.jpg

A audiência foi proposta pelo vereador Maurício Batalhão (PPS)

 

22 Março 2019
Parece que houve equívoco na divulgação a respeito da Serra como melhor destino turístico

c45f9e96_8294_4810_9c18_7f334d26d97b.jpg

Coluna de Cacau Menezes. 22/03/2019

 

22 Março 2019
Discurso para calar as críticas à administração

Esta campanha que leva o discurso de que não podemos falar mal de Lages tem a intenção de calar as críticas à administração.

Entendo que exigir melhorias na área da saúde, que se tape os buracos nas ruas não se trata de falar mal da cidade e ninguém entende assim a não ser a equipe do Executivo que tem usado as redes sociais para difundir essa ideia.

Até mesmo Beatriz Montemezzo, recém chegada ao comando do Pronto Atendimento Tito Bianchini usou deste discurso. Esperamos que tenha chegado para mudar, pois acredito em seu trabalho, e não para corroborar as falhas de gestão. É isso que esperamos dela!

Início  |  « Anterior12345678910Próximo »  |   Fim