Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

 

lages.png

 

lages_parque_jonas_ramos_peq.jpg

 

Arquivo

 
23 Maio 2017
Dois pedidos de impeachment contra Colombo serão protocolados na Alesc

pedidos.jpg

Pedido2_1.jpg

Fonte: Notícias do Dia 22/05/2017

23 Maio 2017
Reação de Gavazzoni e Colombo às delações do diretor da JBS

0aad8fd825f842a8506871e2deec2f0f.jpg

"Ao invés de ficar esperando virem me perguntar, vou atrás esclarecer".

Antônio Gavazzoni

Está declaração foi feita pelo ex-secretário da Fazenda, após as delações da JBS que envolve seu nome. Ele estava em viagem a Espanha quando soube da delação e ao retornar a primeira medida foi pedir a exoneração.

Esta declaração define o homem e o que transmite só me provoca admiração. É um homem com brios a zelar.

 

14775950986510.jpg

Já o governador Raimundo Colombo, pela primeira vez, ontem (22) tocou nas acusações feitas pelo delator da JBS, e pela primeira vez na história perdeu a paciência, chamando o diretor da JBS Ricardo Saud de VAGABUNDO.

 

Para ele, Ricardo Saud, diretor de Relações Institucionais e governo na holding J&F, que controla a JBS, não tem provas sobre as afirmações que fez.

"Um delator, sob pressão, ele vende a mãe. E foi exatamente o que esse sujeito fez. Não há nenhuma prova, é de uma irresponsabilidade absurda. Eu espero que seja tratada com a responsabilidade que nós merecemos", disse Colombo.

Na gravação da delação, feita no dia 5 de maio, o delator afirma que foram pagos R$ 10 milhões em propina para a campanha de Colombo nas eleições de 2014. O objetivo, segundo Saud, era obter facilidades na licitação para comprar a Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan).

Colombo lembrou que a Casan não foi vendida e, se fosse, seria através da Bolsa de Valores.  Disse ainda que que tem 40 anos de vida pública e nunca sofreu um processo sequer.

Nesta última pegou mal. Qual é o administrador público que não sofreu alguma ação ao longo da vida? E sabemos que Colombo como, os demais, teve de responder algumas questões na justiça, sim.

23 Maio 2017
Reação de Gavazzoni e Colombo às delações do diretor da JBS

0aad8fd825f842a8506871e2deec2f0f.jpg

"Ao invés de ficar esperando virem me perguntar, vou atrás esclarecer".

Antônio Gavazzoni

Está declaração foi feita pelo ex-secretário da Fazenda, após as delações da JBS que envolve seu nome. Ele estava em viagem a Espanha quando soube da delação e ao retornar a primeira medida foi pedir a exoneração.

Esta declaração define o homem e o que transmite só me provoca admiração. É um homem com brios a zelar.

 

14775950986510.jpg

Já o governador Raimundo Colombo, pela primeira vez, ontem (22) tocou nas acusações feitas pelo delator da JBS, e pela primeira vez na história perdeu a paciência, chamando o diretor da JBS Ricardo Saud de VAGABUNDO.

 

Para ele, Ricardo Saud, diretor de Relações Institucionais e governo na holding J&F, que controla a JBS, não tem provas sobre as afirmações que fez.

"Um delator, sob pressão, ele vende a mãe. E foi exatamente o que esse sujeito fez. Não há nenhuma prova, é de uma irresponsabilidade absurda. Eu espero que seja tratada com a responsabilidade que nós merecemos", disse Colombo.

Na gravação da delação, feita no dia 5 de maio, o delator afirma que foram pagos R$ 10 milhões em propina para a campanha de Colombo nas eleições de 2014. O objetivo, segundo Saud, era obter facilidades na licitação para comprar a Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan).

Colombo lembrou que a Casan não foi vendida e, se fosse, seria através da Bolsa de Valores.  Disse ainda que que tem 40 anos de vida pública e nunca sofreu um processo sequer.

Nesta última pegou mal. Qual é o administrador público que não sofreu alguma ação ao longo da vida? E sabemos que Colombo como, os demais, teve de responder algumas questões na justiça, sim.

22 Maio 2017
Gavazzoni já tem substituto

unnamed_31.jpg Almir Gorges, auditor fiscal com quase 40 anos de experiência, assume o lugar de Antonio Gavazzoni

Profundo conhecedor do fisco catarinense,Gorges nasceu em 1º de janeiro de 1956, em Imbuia, no Alto Vale do Itajaí, e reside em Timbó. Graduado em Direito e Administração, com especialização em Contabilidade, foi auditor fiscal da Secretaria de Estado da Fazenda de Santa Catarina por 39 anos (1978-2016). Em dezembro passado, decidiu se aposentar depois de cinco anos no cargo de secretário adjunto da pasta.
 
22 Maio 2017
Gavazzoni deixou o governo

0aad8fd825f842a8506871e2deec2f0f.jpg

 

Hoje pela manhã, o secretário da Fazenda, Antônio Gavazzoni se exonerou do cargo.

Não há informações detalhadas ainda quando a sua saída do governo. Tido como um dos homens fortes do governador Colombo, sua saída enfraquece a equipe de resistência e o núcleo duro do poder.

Ele estava com Colombo desde o primeiro mandato.

 

Nota à imprensa
 
Nesse tempo em que fui secretário de Estado e presidente de estatal me concentrei sempre em enfrentar problemas e crises. Nunca fui seduzido por assuntos que gerassem publicidade positiva, como inaugurações ou festas políticas.
Zelei cada dia pelo interesse público, trabalhei dando toda minha força, energia, conhecimento e capacidade para enfrentar grandes problemas públicos, desde a crise econômica e climática de 2008, depois à frente do grupo Celesc e, sobretudo, na Secretaria da Fazenda nestes últimos anos da pior crise econômica que o país e o Estado já viveram em toda sua história. Vencemos por não aumentar impostos nem atrasar salários.
Se isso tivesse ocorrido, a Segurança, a Saúde e a Educação teriam entrado em colapso, como aconteceu em vários estados. O progresso econômico e social estaria severamente comprometido.
Porém, apesar de todo meu entusiasmo pelas missões públicas, neste momento não tenho forças para seguir comandando os homens e mulheres de grande capacidade técnica que pertencem aos quadros da Fazenda.
Não vou descansar, mas me dedicar a mostrar a cada pessoa que confiou em mim ao longo desses 11 anos, que nada do que foi dito por criminosos confessos é verdadeiro. Todos os encontros narrados foram presenciados por terceiros que testemunharão para esclarecer a verdade. Os heróis brasileiros em que se transformaram os Procuradores da República e os Magistrados sabem e saberão julgar aqueles com quem lidam. Esses criminosos confessos, que buscam a qualquer preço montar versões que justifiquem a troca de penas alongadas por liberdade e vida milionária no exterior, não podem vencer.
Na nossa vida tudo tem um limite. A minha enérgica disposição para enfrentar problemas no Estado encontrou o seu: os dois fatos envolvendo questões eleitorais, injustas e improcedentes quando citam meu nome e, por isso, doloridas. Abro mão do foro privilegiado porque nada temo. Agradeço ao governador Raimundo Colombo pela confiança e amizade recíprocas, bem assim a todos os colegas de Governo.
Tenho Deus por testemunha de minhas palavras e, mesmo passando por tudo isso, só agradeço às amizades e simpatias que conquistei.
 
Antonio Marcos Gavazzoni

 

22 de maio de 2017
Última atualização em Segunda, 22 de Maio de 2017 17:17
22 Maio 2017
David quer a volta do Fundo Municipal de Habitação

O vereador David Moro está pedindo que a prefeitura restitua o Fundo Municipal de Habitação e também do Conselho Municipal de Habitação que existiam até a gestão passado.

David01_1.jpg

Segundo ele, para este fundo iam todos os recursos de doações, auxílios e contribuições de terceiros, que agora não existindo passa para a Secretaria da Assistência Social a qual a Habitação está ligada administrativamente.

22 Maio 2017
Obras da delegacia regional já estão sendo finalizadas

 

14885788261470.jpg

Ainda não há previsão para a inauguração do novo prédio da Delegacia Regional. Até questionei esta semana para saber o que exatamente estaria faltando para isso. Segundo o assessor da ADR, Pablo Gomes, falta a conclusão de apenas 3% da obra. O que seria?  O cercamento externo e instalação dos aparelhos de ar-condicionado. Os móveis e demais equipamentos já estão sendo adquiridos, diz ele.

 

unnamed_29.jpg

Uma das reivindicações é a abertura desta rua, ao lado do prédio da delegacia, que daria na altura do Colégio Santa Rosa, servindo como uma via de escoamento do trânsito central.

Desta vez ainda não deu mas, quem sabe, mais adiante.....

Última atualização em Segunda, 22 de Maio de 2017 15:46
22 Maio 2017
Cacau adianta informação....

unnamed_28.jpg

Coluna do Cacau Menezes desta segunda-feira 22/05/2017

 

Sabe de tudo este rapaz!

 

22 Maio 2017
Amaral vai a Londres buscar inovações para o Órion Parque

18486363_860510134088536_7371772982988276468_n.jpg

"Depois de uma noite memorável com a apresentação da pesquisa Ibope sobre a liderança absoluta das Rádios Clube e Massa FM, embarcamos com destino a Londres, para participar do Fórum Mundial sobre Internet das Coisas! Buscarei canalizar conhecimento e empoderar ao Órion Parque este conceito que vem sendo estudado mundialmente! O protagonismo do Órion se dá pela permanente busca do entendimento das principais tendências em inovação e a Internet das Coisas é uma revolução tecnológica prestes a ser inserida ao nosso cotidiano."

Empresário Roberto Amaral e a esposa Adriana, durante embarque com destino a Londres, na sexta-feira. Um dia antes recepcionou  meia cidade para comemorar o resultado do Ibope.

Em Londres, sua missão é buscar subsídios para colocar o Órion Parque para andar. Esperamos que ai resulte no mesmo sucesso de suas empresas. Por enquanto ainda está um tanto devagar.

19 Maio 2017
Gravação da delação contra Raimundo Colombo: anexo 29

Vídeo contendo a delação contra Raimundo Colombo.

 

Última atualização em Sexta, 19 de Maio de 2017 20:18
Início  |  « Anterior12345678910Próximo »  |   Fim