Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

lages.png

 

lages_parque_jonas_ramos_peq.jpg

 

Arquivo

 
Família de servidor Luizandro terá de entrar na justiça para reclamar compensação financeira pela sua morte

arruda1.jpg

“Prefeitura terá de arcar com as consequências porque a lei não permite desvio de função. Se a família entender que tem direito a uma compensação financeira terá de entrar na justiça porque a prefeitura não tem como estabelecer um valor a ser pago.”

Quem disse isso foi o secretário da Administração e Finanças, Antônio Arruda, ao ser indagado a respeito da morte do funcionário Luizandro dos Santos Duarte, morto em um acidente no último dia 10 de agosto, no bairro São Pedro, quando caiu da motoniveladora que dirigia. Ele estava em desvio de função o que é ilegal. Passou no concurso para auxiliar de serviços gerais e estava operando máquina pesada.

São fatos raros, mas infelizmente acontecem, disse Arruda.

Ele explicou que a partir do acontecido, o prefeito Antônio Ceron já determinou que isso fosse corrigido. Chamou os secretários e solicitou a lista das máquinas e seus operadores. Todos os servidores que estavam em desvio de função retornaram à atividade de origem.

A viúva do servidor Luizandro está em aluguel social e é uma das contempladas com as moradias do Condomínio Ponte Grande.

Comentários  

 
#1 Névio S. Filho 29-08-2017 15:27
Deve haver em Lages advogados que entrem com estas ações e posteriormente recebam honorários, quer dizer isso era prática normal na prefeitura, vergonhoso e devem pagarem uma boa soma em indenização. o Arruda é o bombeiro oficial destas fogueiras que denigrem o nome da prefeitura.
 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar Código