Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

IMG_20171122_WA0006.jpg

 

lages_parque_jonas_ramos_peq.jpg

 

Arquivo

 
HNSP atende 45 casos de AVC por mês. Região é a que apresenta a maior incidência de AVC hemorrágico do estado

092529_crop.jpg

Na sessão especial solicitada pelo vereador Maurício Batalha para lançamento da campanha Novembro Azul, muito se falou a respeito da necessidade de prevenção contra o câncer da próstata e a relutância dos homens na realização dos exames.

Foi também convidado o neurocirurgião e coordenador do Centro de tratamento de AVC que está sendo implantado no Hospital Nossa Senhora dos Prazeres, Marcelo Conrad.

Marcelo citou que AVC pode chegar a atingir 25% da população, ou seja, uma a cada quatro pessoas poderão ter AVC em algum período da vida. “Isso significa dizer que alguém de sua família vai ter AVC”, disse ele.

MarceloConrad.jpg

Observou que “45 casos de AVC por mês chegam ao Hospital Nossa Senhora dos Prazeres. Significa pelo menos um caso por dia”. Se este paciente for atendido em até quatro horas desde quando apareceu os primeiros sintomas tem chances de sobreviver e a recuperação está relacionada com o tempo de atendimento. Quanto mais rápido, maiores são as chances de recuperação.

Diz ele que a região serrana é a que apresenta o maior número de casos de AVC Hemorrágico no Estado.

E, a região compreendida entre Urupema, Santa Isabel (São Joaquim) e Painel tem a maior incidência do Brasil de uma doença cerebral vascular chamada Cadasil. Presente especialmente entre os membros de três família.  

CADASIL:é uma doença hereditária autossômica dominante de pequenos e médios vasos sanguíneos que tem, como característica, a tétrade: demência, distúrbios psiquiátricos, cefaléia e acidentes vasculares cerebrais frequentes.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar Código