Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

 

251.jpg

 

unnamed_18.jpg

 

Arquivo

 
Fotos mostram que era comum se enterrar cápsulas do tempo

unnamed_4.jpg

 Foto de 1938 da pedra fundamental da Colônia Santa Tereza mostra caixa igual a do Colégio Aristiliano Ramos ao lado de Nereu

Na data do lançamento da pedra fundamental do Colégio Aristiliano Ramos (3 de outubro de 1934), foi enterrada uma caixa de metal com um pote de vidro com documentos e moedas – na época o interventor do estado era o próprio Aristiliano. Essa caixa foi encontrada por funcionários responsáveis pela demolição do antigo colégio no último dia 20 de dezembro e levada para o Museu Histórico Thiago de Castro.

unnamed_5.jpg

Desde dezembro de 2017, a Fundação Cultural de Lages (FCL) tem realizado um levantamento de todo o acervo do Memorial Nereu Ramos, que além do recadastro dos pertences do ex-presidente da república, também está digitalizando todo o arquivo fotográfico de Nereu Ramos. No período em que Nereu foi interventor de Santa Catarina - 1935 a 1938 – várias inaugurações e lançamentos de pedras fundamentais aconteceram. Uma delas foi o início das obras da Colônia Santa Tereza em 1938 em São Pedro de Alcântara. Na época, a colônia foi concebida para receber pessoas que sofriam de hanseníase (lepra) e atualmente atende a pacientes de pós-operatório.

 

Quinta, 04 de Janeiro de 2018 20:23
Escrito por: Olivete Salmória | Última atualização em Quinta, 04 de Janeiro de 2018 20:37

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar Código