Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

251.jpg

 

lages_parque_jonas_ramos_peq.jpg

 

Arquivo

 
Manifesto do presidente da Associação de Moradores do Guarujá

Moradores do Guarujá clamam por mais segurança

Devido ao crescente número de ocorrências e a sensação de insegurança, a Associação de Moradores do bairro Guarujá, em Lages,está convocando os moradores do bairro e adjacências para uma manifestação por mais segurança na região. O manifesto está previsto para o próximo sábado (13) a partir das 15h, com saída na Rua: Dias Velho, em frente a EEB Gen. Pinto Sombra .

Segundo o presidente da Associação, Luis Borges, ocorrências como furtos, arrombamentos e até mesmo assaltos à mão armada têm se tornado corriqueiro na região. Daí surgiu a iniciativa de fazer uma manifestação para reivindicar o retorno imediato da Base fixa da Polícia Militar no Guarujá. “Nossa base da PM foi desativada há cerca de três anos e, desde então, as ocorrências têm sido cada vez mais freqüentes e os moradores e comerciantes se sentem acuados, de mãos atadas”, comenta Borges.

Com a reativação da Base da PM e, conseqüentemente o retorno dos trabalhos de rondas e a presença efetiva de policiamento, Borges acredita que os casos de roubos e furtos diminuirão significativamente. “As pessoas estão com medo de andar pela rua à noite. Os comerciantes estão fechando suas lojas mais cedo e a sensação de insegurança aumenta a cada dia. Queremos dar um basta nisso e vamos reivindicar pela nossa segurança, como direito de todo cidadão”, diz.

De acordo com Luis Borges, o bairro Guarujá conta hoje com mais de 15 mil moradores, por isso, a manifestação será também para pedir pela instalação de mais duas câmeras de videomonitoramento ao longo da Avenida 31 de Março. O Diretran e a Polícia Militar acompanharão a movimentação no próximo sábado para organizar o tráfego. “Agradecemos a todas as pessoas, órgãos e instituições que estão nos apoiando a esta tão importante causa. Estamos pedindo socorro e a nossa luta é para garantir a segurança dos nossos vizinhos, parentes e amigos que compõem a nossa comunidade”, reiter a.

Alguns números da criminalidade:

Arrombamentos furto realizado: 104

Assaltos: 11

Tentativas de assalto: 12

Tentativas de seqüestro: 6

Luis Borges

Presidente – AMBG

unnamed_28.jpg

Sexta, 12 de Janeiro de 2018 10:14
Escrito por: Olivete Salmória | Última atualização em Sexta, 12 de Janeiro de 2018 10:22

Comentários  

 
#1 Névio S. Filho 12-01-2018 14:41
Todos nós sabemos que polícia e cadeia não resolvem as desigualdades sociais e os investimentos sociais no homem são a solução e policia resolvesse algo o mundo seria um paraíso é claro que estes membros das associações a ultima coisa que fariam seria refletir sobre esses problemas o que não fazem, não existem soluções fáceis na esfera social.
 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar Código