Olivete Salmória
salmoriaolivete@gmail.com


Parceiros

 

Lages.jpg

 

unnamed_18.jpg

 

Arquivo

 
Moisés vai eliminar 922 cargos comissionados e economizar R$ 89 milhões anuais

Na coletiva concedida esta tarde de quarta-feira pelo governador Carlos Moisés, foram expostos os números da dívida do estado e como será paga:

 

Divida.jpg

Dentre as medidas anunciadas está a extinção das ADRs até abril e a redução dos cargos comissionados. 

 

Redu____o.jpg

 

A maior contribuição de economia virá da revisão de incentivos fiscais para alguns setores da economia (R$ 750 milhões), processo que ocorrerá de forma transparente e não deve ser motivo de preocupação para o setor produtivo, que terá um canal de diálogo com o governo, de acordo com Moisés. A nova administração também tem a expectativa de conseguir outros R$ 130 milhões neste ano por meio da compensação previdenciária, que será debatida com o governo federal.

Economias menores virão do corte de comissionados e funções gratificadas (R$ 89 milhões), do aperfeiçoamento do pregão eletrônico (R$ 40 milhões), da adoção do governo digital (R$ 29 milhões), do uso dos aplicativos para transporte (R$ 4,8 milhões), da manutenção e venda das aeronaves (R$ 3,5 milhões) e da compra direta de passagens aéreas (R$ 2 milhões).

 

Em relação às dívidas do Estado, Moisés contou que o passivo total é de R$ 37,8 bilhões, dos quais R$ 11,5 bilhões a serem honrados nos próximos quatro anos. O novo mandatário disse ainda que herda R$ 700 milhões em contas em atraso da gestão anterior.

Quarta, 02 de Janeiro de 2019 18:06
Escrito por: Olivete Salmória | Última atualização em Quinta, 03 de Janeiro de 2019 11:36

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar Código